Bww revisão spamalot oferece as risadas em sioux cai artrite séptica icd 10 código

Blues de inverno começando a bater? Joelho cansado osteoartrite cinta nhs do infinito frio, neve e céu cinzento? Precisa de uma risada? Então, vá até o The Washington Pavilion para as duas últimas apresentações do SPAMALOT de Monty Python. Este show vai fazer você rir do começo ao fim e ter você olhando para o lado positivo da vida nos primeiros minutos! Eric Idle (livro, música e letras) e John Du Prez (música) pegam as piadas que todo mundo conhece e ama do roteiro original de Monty Python e do filme The Holy Grail e adicionam um toque único da Broadway à história clássica.

Vencedor do Prêmio Tony de Melhor Musical de 2005, SPAMALOT segue o lendário conto do Rei Arthur (Steve McCoy) e seus Cavaleiros da Távola Redonda enquanto eles buscam o Santo Graal e como fazer um show no estilo da Broadway.

O show é absurdamente engraçado na verdadeira moda do Monty Python, cheio de comédia física, muitas chaves para artrite reumatóide de sarcasmo e sátira, e um pouco do obsceno.

Se você é um amante obstinado dos filmes Monty Python originais ou apenas um fã da cultura pop, você certamente reconhecerá algumas piadas verdadeiramente clássicas e momentos favoritos do filme. Patsy (Jason Elliott Brown) ainda está seguindo o Rei Arthur com seus cocos. Ainda há um debate sobre o que é a velocidade da velocidade do ar de uma andorinha sem carga, uma cena muito bem encenada com os dois guardiões debatendo as janelas de cada lado do palco acima do Rei Arthur e da artrite reumática. Associados da doença nas costas Patsy. Há também aparições dos guardas franceses que peidam em nossa direção geral, Cavaleiros que dizem “Ni” em busca de um arbusto, e O Cavaleiro Negro convencido de que seu braço cortado é apenas uma ferida.

Enquanto as piadas familiares são esperadas e apreciadas, eu adoro o estilo único da Broadway que é adicionado a este show. Ele rotineiramente quebra a quarta parede enquanto reconhece o público ou reconhece tropos teatrais típicos. Em “artrite magyarul; A canção que vai assim" A Dama do Lago (Leslie Jackson) e Sir Dennis Galahad (Philip Huffman) passam uma música inteira zombando do tipo de música que se espera na maioria dos shows da Broadway, e não tem nada a ver com o enredo. O objetivo da música é puramente se divertir na Broadway; e destacar o excelente talento vocal de Jackson. A Senhora do Lago reprises este tema vários artrite tratável mais vezes ao longo do show, incluindo e número Act 2 sobre por que ela não teve tempo de estágio suficiente durante "O Diva’s Lament." Os fãs da Broadway ficam atentos para outras referências de espetáculos da Broadway, de LES MISERABLES, Cantando na Chuva, FANTASMAS DA ÓPERA, MENINA ENGRAÇADA e FIDDLER NO TELHADO. O último aparecendo durante um número verdadeiramente espetacular por Sir Robin (Kasidy Delvin) sobre como você não terá sucesso na Broadway "se você não tem nenhum judeu." Há também algo sobre como traduzir um filme para encenar que a artrite séptica desafia a criação de um time, o figurino usado para retratar membros decepados é brilhantemente feito e muito eficaz para o palco.

Este show tende a ziguezaguear quando você pensa que vai zagar. Durante o bocado com “Not Dead Fred” (Tim Hackney), o homem prova que ele ainda não está morto por começar uma rotina de dança antes de ser morto por um golpe na cabeça de Sir Lancelot (Adam Grabau). Esse número de dança surpresa é o zig que eu não esperava. SPAMALOT tem um número surpreendente de intervalos de dança e números de toque durante todo o show que destacam o elenco talentoso. Depois que a Dama do Lago faz sua artrite da mão grande aparência icd 10, ela deixa o palco com Sir Dennis de Galahad e o Rei Arthur a leva "Garotas do Laker" em uma rotina de torcida mais apropriada para um show do intervalo da NBA que a Inglaterra medieval. As cenas em Camelot continham os maiores números de música e dança, o que é apropriado, já que parece ser uma combinação de Las Vegas e Disney World – dois lugares que se pode debater são grandes e exagerados. Completa com castelo mágico, mulheres seminuas e uma mesa redonda que é realmente um centro de artrite da roda de roleta do Texas, a platéia fica maravilhada com o espetáculo que é Camelot; capturando perfeitamente o puro sobre a natureza superior do show.

Enquanto o grande número sobre os números mais altos tinha o público rugindo, às vezes era o uso mais sutil de encenação e movimento do corpo que os envolvia mais. Adam Grabau teve o público em stiches como o Taunter Francês com o movimento de sua cabeça ao longo da artrite da parede do portão nas pernas dianteiras dos cães enquanto fazia ruídos de peido no Rei Arthur e seus cavaleiros. Eu particularmente gostei do piscar de olhos e você sente falta do momento em que o maestro tirou a cabeça do buraco durante a abertura para derrubar um dos músicos.